18/11/2021

5 coisas sobre economizar dinheiro com Júlia Mendonça

A Júlia Mendonça é a nossa entrevistada da vez no 5 Coisas Sobre. E o papo não poderia ser outro: dicas sobre como economizar dinheiro!

Ter bom-humor é fundamental para que a gente encontre leveza em assuntos sérios, não é mesmo? E a Júlia tem exatamente esse equilíbrio. Com muito papo sério e direto sobre grana, mas também com muita irreverência, ela comanda no Youtube um canal homônimo.

E olha, não tem ninguém melhor do que ela pra ajudar a gente a economizar, sério mesmo! Conferir a entrevista que ela nos concedeu pode mudar sua vida financeira, então continue com a gente!

Quem é Júlia Mendonça?

Com mais de 569 mil inscritos em seu no canal do Youtube e mais de 204k seguidores no Instagram, Júlia é educadora financeira e divide experiências e conhecimentos em suas redes sociais. Além de compartilhar dicas sobre finanças, investimentos e muito mais!

Depois de perder o controle de seus gatos, Júlia se viu com uma dívida no valor de 110 mil reais. Dá pra imaginar? Porém, depois de correr o risco de perder o apartamento onde morava, as coisas começaram a mudar.

Para saber como a Júlia conseguiu acabar com as dívidas, confira a trajetória dela no vídeo abaixo:

5 coisas sobre economizar dinheiro

Como já mencionamos, nosso papo com a Júlia Mendonça teve como pauta economizar grana. Dividindo experiências pessoais e muitas dicas valiosas, Julia contou para a gente cinco coisas sobre esse assunto. Vem conferir:

1. Um conselho que você daria para você mesma mais nova

Bom, a primeira coisa é ter um objetivo bem claro na minha vida. Por exemplo: ter independência financeira ou independência geográfica. Poder morar onde eu quiser e definir uma idade para atingir isso.

Então, se fosse eu aos 18 anos, colocaria uma meta: ter uma independência financeira até os 25. Isso não seria, necessariamente, chegar até um milhão, mas seria ter condição de poder escolher o trabalho, dizer não para o que não quero e procurar coisas que  realmente acredito que vão fazer a diferença no mundo.

Outra coisa é não ouvir tanto as pessoas, porque as pessoas não têm o mesmo objetivo, não têm a mesma vontade que você. A partir do momento que você começa a ouvir muitas pessoas, começa a acreditar no que elas falam. Principalmente nas negativas, aí é um caminho sem volta.

Quando eu comecei no YouTube em 2015, ninguém me apoiou. Ninguém me apoiou porque achavam que era  besteira, que eu não ia pra frente, que era bobagem eu estar fazendo vídeo no YouTube.

Aí eu simplesmente não dei bola e falei “bom é isso que eu quero, é isso que eu vou fazer” e fui sozinha. Então é deixar de ouvir os outros porque o medo dos outros reflete na gente.

Seu CPF está limpo? | Consulte

2. Um verdade sobre economizar dinheiro

É muito mais fácil economizar dinheiro do que gastar dinheiro. De verdade. Porque a gente, às vezes, tem que caçar coisas  para gastar dinheiro.

Às vezes você está em uma loja e tem que procurar alguma blusinha que custe cinquenta reais porque é o que você tem e você fica um tempão procurando.

Às vezes, é muito mais difícil você conseguir gastar, realmente torrar toda a tua grana, gastar o seu tempo indo atrás de coisas pra você gastar todo o dinheiro do que simplesmente economizar.

O esforço que você faz, por exemplo, indo em um shopping e gastando com um monte de coisas que você não quer, que não vão agregar na tua vida, é muito maior do que simplesmente tirar dez reais da tua carteira e não colocar a tua vista, sabe?

Então gastar é muito mais difícil, e leva mais tempo e mais dedicação do que juntar. E economizar dinheiro não significa “nossa, tem que fazer cortes, ai vai acabar minha vida, meu lazer”, não tem nada disso.

Às vezes, é só você fazer pequenas trocas que não vão mudar em nada a tua vida. Então, quando você começa a economizar, você percebe que gastar, com certeza, é muito mais difícil.

3. Uma mentira sobre economizar dinheiro

Eu acho que a maior mentira que eu escuto é “ah, você não aproveita a vida” ou “ nossa, pra quê economizar você não vai fazer nada com esse dinheiro e aí você vai morrer” ou “ai, você tá esse ano inteiro sem fazer nada, o que você vai fazer com esse dinheiro?”.

Acho que essa é a maior mentira porque as pessoas têm a tendência de olhar tudo no curto prazo, né? Curtíssimo prazo e, de verdade, economia no curto prazo não é tão significativa assim.

O que faz diferença é o longo prazo. Se você quer fazer uma viagem daqui 24 meses e  a viagem custa 5 mil reais. Se hoje você começar a economizar cinco, dez reais na semana, você vai falar “meu, eu tô muito longe daquele meu objetivo”. Mas quanto mais você economiza e mais perto vai ficando daquele teu destino mais você tem e aí você percebe a diferença que faz. 

Então a maior mentira é as pessoas acreditarem que economizar não leva a lugar nenhum. Hoje realmente vai ser pouco, mas amanhã vai ser muito, vai ser maior. 

4. Um conceito/conselho sobre finanças que você ainda precisa se policiar para colocar em prática

Humm, essa aqui é boa. Olha, fazer o planejamento financeiro e levar ele de cabo a rabo. Eu amo planejamento financeiro. Eu amo fazer planilha! Para mim, a planilha é a consolidação de tudo, da minha vida.

É definir, é ter os meus objetivos, esse mês eu vou gastar com isso, esse mês eu não vou gastar com aquilo. Principalmente no momento de vida que eu estou  agora, que é de expansão da minha empresa e também na minha vida pessoal, é de sentar e definir não querer abraçar o mundo naquele mês.

Então, por exemplo, às vezes eu vejo que está dando certo, tem mais dinheiro sobrando do que eu imaginei, um trabalho a mais, rende melhor do que eu esperava… E é botar um freio, tanto para gastos quanto para economia. É levar a sério o planejamento financeiro assim 100%, sabe?

E eu não tenho problema nenhum em falar isso porque eu sou educadora financeira sim, eu não tenho dívidas, eu tenho meus investimentos e eu tenho a minha liberdade. Mas não sou um robô e ninguém no mundo consegue ser perfeito, consegue ter 100% de aproveitamento em todos os aspectos.

Então, eu acredito que  parte da minha chegada dos 97% aos 100%, é exatamente esse o ponto. 

Como economizar dinheiro com Júlia Mendonça | QuiteJá

5. Melhor conselho sobre finanças que já ouvi/ou que gostaria que alguém tivesse te dito

Vixe será que pode falar palavrão? Risos. Eu acho, de verdade, que é dizer não. Eu acredito que “não” é a coisa que mais me tocou até hoje. E dizer não para tudo sabe?

É dizer não quando a pessoa chega pra mim e fala “eu acho que você não devia fazer isso”, antigamente,eu falava “é sim, é verdade, não devia”.  Tem que falar “não, eu acho que é esse o caminho, eu não estou nem aí, tchau e benção”.

Ou dizer não pra algumas coisas, tipo aquele mês que você tá mais apertado, aquele momento que você está receoso, que você vai entrar numa dívida, né? Eu de antigamente, no caso. É chegar e botar um freio e falar “não, chega, olha onde eu tô, olha onde eu posso ir”.

Então pra mim o melhor conselho é apenas isso, dizer não é a melhor coisa. Não adianta chegar e falar assim “guarde 10% do seu salário ou faça um investimento, invista no tesouro, compre ações”  se não tem a cabeça, né?

E eu de verdade comecei a mudar minha cabeça quando eu comecei a dizer não. Principalmente quando eu comecei a ver a diferença de preço e valor das coisas.

Preço é o que você paga. Pagar cinquenta reais em um hambúrguer é muito ou é pouco? Olha, na maioria das vezes é muito, é muito caro. Mas e o valor da coisa? Se é naquele momento em que você teve uma semana exaustiva de trabalho, que você não quer mais ver a cozinha, você não quer fazer nada, que você quer ter um agrado pra você mesmo, é caro?

Aí entra um valor, já não é o preço, é o valor de você sair com a barriga quentinha, né? Tipo, “poxa foi uma delícia essa refeição, agora eu vou dormir bem, vou ter um final de semana ótimo”.

Então, quando eu aprendi a dizer não e fazer essa diferença de preço e valor, foi o que mudou a minha cabeça e é o que eu sempre passo aí e ensino pros meus alunos.

Viu só quantos conselhos sinceros e possíveis de colocar em prática a gente aprendeu com a Júlia? Ter foco é essencial para mudar a sua situação financeira e com essas dicas temos certeza de que você pode ir longe! 

Ah, e não esqueça: fique sempre de olho nos nossos conteúdos! Por aqui, ajudamos você a trilhar o caminho da independência financeira

Aproveite para nos acompanhar também no Instagram e no Facebook, por lá sempre trazemos dicas sobre finanças. Se você gostou, compartilhe esse conteúdo com amigos e familiares. Vamos juntos nessa! 💚

QuiteJá

Uma plataforma que nasceu para resolver suas pendências financeiras de maneira segura e sem burocracia. Tem alguma dúvida? Converse com a gente nos comentários!

Posts Relacionados

Auxílio Brasil: tudo o que você precisa saber sobre o substituto do Bolsa Família
QuiteJá | 30/11/2021
Black Friday: 7 experiências para comprar e aproveitar
QuiteJá | 21/11/2021
Black Friday: 5 dicas de como se preparar para as promoções
QuiteJá | 05/11/2021

Deixe o seu comentário!

Ir para o Topo