30/11/2020

Inadimplente e endividado: você sabe a diferença?

Não tem problema nenhum se você não sabe a diferença entre inadimplente e endividado.

A princípio, é quase inevitável não acharmos que os dois conceitos são sinônimos. Mas não é bem assim.

Pessoas que estão endividadas são diferentes de pessoas inadimplentes.

Pense assim: todo inadimplente está endividado. Mas nem todo endividado é, necessariamente, inadimplente.

Mas por que essa diferenciação?

Abaixo daremos uma breve explicação das duas situações. Você vai ver que não tem erro e é bem fácil de entender.

Inadimplente e endividado: você sabe a diferença?

Qual a diferença entre inadimplência e endividamento?

É simples: quando você não consegue honrar um compromisso financeiro, seja ele qual for, então você está em inadimplência.

Pode ser o financiamento da casa, do carro, fatura do cartão de crédito, cheque especial, empréstimos. Enfim, qualquer conta.

Se, por algum motivo, a capacidade de pagar as contas é afetada e você não consegue mais fazer isso, você está inadimplente.

Já o endividamento é diferente.

A dívida pode ser algo saudável e previsível. Ainda mais se for bem planejada e se a pessoa se preparou para aquilo.

Você tem tudo sob controle, os parcelamentos e o prazo de pagamento estão sendo respeitados. O seu orçamento está equilibrado. Assim você está garantindo que seus compromissos financeiros não virem, justamente, um cenário de inadimplência.

Consequências de ficar inadimplente

O principal risco do endividamento é, em algum momento, perder o controle das finanças.

O endividamento, se mal administrado, pode virar um problema. Os atrasos dos pagamentos começam e, junto vêm as multas e juros.

Paralelo a isso, existe ainda a inscrição nos serviços de proteção ao crédito. Isso faz com que seu nome fique “sujo”.

Além disso, a sua pontuação do score é afetada negativamente. Isso dificulta qualquer solicitação de financiamento ou crédito no futuro próximo.

Sendo assim, para evitar esse tipo de dor de cabeça, sempre planeje muito bem antes de assumir uma dívida.

Entretanto, se o endividamento virou inadimplência, organize-se da melhor maneira possível para sair dela.

Nesse caso, a QuiteJá tem uma série de dicas e materiais que podem ajudar você a organizar a sua vida financeira.

Sobre a Quite Já

Somos uma solução que surgiu da necessidade de reaproximação entre credor e devedor.

Uma plataforma 100% digital de recuperação de crédito, que tem como objetivo tornar essa relação mais dinâmica e saudável.

Com um processo prático e rápido, apresentamos oportunidades para você quitar suas dívidas, com planos de negociação e descontos INCRÍVEIS!

Além disso, se você quiser algumas dicas financeiras de como economizar, nós temos alguns textos que podem ajudar muito nessa missão.

Tem uma dívida e quer renegociar o valor com um super desconto? Acesse QuiteJá!

QuiteJá

Uma plataforma que nasceu para resolver suas pendências financeiras de maneira segura e sem burocracia. Tem alguma dúvida? Converse com a gente nos comentários!

Posts Relacionados

Os melhores podcasts sobre finanças [+3 dicas bônus]
QuiteJá | 22/10/2021
Dívida Crediativos: como e onde negociar +3 vantagens
QuiteJá | 14/10/2021
Golpe do Pix: 6 tipos mais comuns + como se proteger
QuiteJá | 08/10/2021

Deixe o seu comentário!

Ir para o Topo