23/09/2020

Aprenda a como gerar boleto no site da QuiteJá

Está com dúvidas sobre como gerar boleto no site da QuiteJá? Então, não precisa mais se preocupar. Criamos um guia explicando todo o processo para que você tenha acesso aos seus boletos.

Acompanhe o passo a passo e tire todas as suas dúvidas!

Como gerar boleto no site da QuiteJá

Para acessar seu boleto, siga as instruções a seguir:

  • Entre em quiteja.com.br;
  • Informe seu CPF ou CNPJ;
  • Logo abaixo, escolha uma das opções: Pessoa Física ou Pessoa Jurídica;
  • Mais abaixo, à direita, clique no botão ‘Meus boletos’ e pronto!

Lá você terá acesso não só a 2ª via do boleto online, mas também o controle de todos os seus acordos.

Para facilitar ainda mais esse processo, confira o vídeo a seguir:

Vale lembrar que, após confirmar uma proposta em nosso site, enviamos a negociação ao credor para que todos os dados envolvidos sejam confirmados. Só após isso os boletos podem ser gerados. 

Esse processo pode levar até 3 dias úteis. Depois de termos o retorno, enviamos o boleto para o e-mail confirmado na hora da contratação e também uma mensagem via SMS.

IMPORTANTE: Caso o acordo da sua dívida seja parcelado, somente o primeiro boleto, correspondente a entrada, é enviado neste primeiro e-mail. Porém, não precisa se preocupar, enviamos os demais boletos todo mês sempre próximo a data de vencimento. 

Notificações

Todos os meses, pelo menos 3 dias antes do vencimento, enviamos o boleto diretamente no e-mail informado no momento de confirmação da proposta. Da mesma forma, mensagens por SMS e WhatsApp também são utilizadas para avisar aos nossos clientes sobre a data de vencimento do boleto. 

Seu CPF está limpo? | QuiteJá

Mudei de e-mail, como receber meus boletos?

Caso passe pelo processo de mudança de e-mail, é ideal que o novo endereço seja informado à nossa equipe. Dessa forma, você não perde nenhuma das comunicações enviadas a você e pode receber seus boletos. 

Mudança de número de telefone

Ao mudar o número do seu telefone, entre em contato com a QuiteJá e nos informe sobre o seu novo número. Assim podemos efetuar a atualização do seu cadastro e você não perde nenhuma das nossas mensagens. 

Vale lembrar que manter seu cadastro atualizado garante também que você tenha acesso ao nosso site. Uma vez que validamos o acesso à conta através de um código enviado por SMS. 

Encontrei um erro no meu boleto, o que fazer?

Caso encontre um erro em seu boleto, entre em contato com a QuiteJá. Nossos canais de atendimento via e-mail ou redes sociais podem ser contatados também para sanar dúvidas relacionadas aos boletos.

Para agilizar seu atendimento, se o erro do seu boleto for relacionado a valores, data de pagamento ou informações incorretas, tire uma foto ou nos envie o arquivo do boleto. Assim, a resolução do problema é mais rápida. 

Pagar os boletos da Quitejá é seguro? 

Sim, pagar os boletos das QuiteJá é totalmente seguro. Em caso de dúvidas, você pode confirmar junto ao seu credor se a parceira com a QuiteJá existe.

Além disso, possuímos dois endereços oficiais de e-mails:

Nunca pague boletos enviados por e-mails que sejam diferentes dos citados acima. Caso você receba uma comunicação suspeita, nos informe. 

Reclame Aqui

Nosso compromisso com os clientes é real, tanto que possuímos o Selo RA1000 do ReclameAQUI®. Isso significa que a QuiteJá possui excelente desempenho no atendimento aos clientes.

Estamos à disposição para garantir que sua experiência de quitação seja tranquila e caso surja algum problema, você tem total liberdade para contar com a gente. 

Boletos falsos

Quando falamos em pagamento de boletos, é  muito importante estar atento para não correr o risco de cair em golpes. Por isso, sempre baixe os boletos do seu acordo no site da QuiteJá ou através das nossas comunicações oficiais.

Vale lembrar que para sua segurança, é preciso sempre conferir se os seguintes dados do seu boleto estão corretos:

  • Seu nome e CPF/CNPJ.
  • Dados do beneficiário (Nome + CNPJ do seu credor).
  • Número do documento, que deve ser o mesmo do número do seu acordo.
  • Os três primeiros números do código de barras precisam corresponder ao código do credor que emitiu o boleto.
  • Na hora de ler o código de barras, as informações que aparecem precisam ser iguais às do boleto. Se não forem, não efetue o pagamento.

Atenção: o nome da QuiteJá nunca vai aparecer no boleto, pois apenas intermediamos o seu acordo.

Outra dica também é dar preferência para o pagamento feito através da leitura do código de barras. Essas ações podem impedir que você sofra prejuízos financeiros. 

Para evitar as armadilhas online, confira nosso conteúdo com 13 dicas para não cair em golpes de boleto falso

Como falar com a QuiteJá? 

Caso você deseje tirar uma dúvida específica com a QuiteJá ou precise conversar com a nossa Central de Atendimento, basta acessar um dos canais a seguir: 

Como gerar boleto no site da QuiteJá

Sobre a QuiteJá

Somos um serviço 100% digital de recuperação de crédito que tem como objetivo tornar o pagamento de dívidas mais simplificado e fácil. Com um processo online prático e rápido, apresentamos oportunidades incríveis para você quitar suas dívidas.

Se você ainda não conhece nossa plataforma, acesse e confira nossos parceiros. Quem sabe você fecha seu primeiro acordo online com a gente! Vamos ficar felizes em te ajudar a limpar seu nome.

Conclusão

Viu só como gerar boleto no site da QuiteJá é simples e rápido? Mantenha-se atento aos passos que ensinamos neste conteúdo, assim você evita fraudes e pode seguir tranquilamente pelo caminho da quitação.

E, caso você não receba o seu boleto ou consiga acessá-lo no site, entre em contato com a gente. Nós o encaminharemos para você!

Ficou com alguma dúvida? Conte pra gente nos comentários, estamos aqui para te ajudar em todas as etapas da sua jornada.

QuiteJá

Uma plataforma que nasceu para resolver suas pendências financeiras de maneira segura e sem burocracia. Tem alguma dúvida? Converse com a gente nos comentários!

Posts Relacionados

Os melhores podcasts sobre finanças [+3 dicas bônus]
QuiteJá | 22/10/2021
Dívida Crediativos: como e onde negociar +3 vantagens
QuiteJá | 14/10/2021
Golpe do Pix: 6 tipos mais comuns + como se proteger
QuiteJá | 08/10/2021

2 Comentários

Deixe o seu comentário!

Ir para o Topo